UFSC questiona decisão que desobriga uso de máscaras em ambientes abertos em SC

  • 25/11/2021
(Foto: Reprodução)
Reitor enviou ofício ao governador. Estado liberou obrigatoriedade uso de máscaras contra Covid-19 em ambientes abertos em Santa Catarina, desde que não haja aglomeração. SC flexibiliza uso de máscaras em locais abertos A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) enviou ofício ao governador do estado, Carlos Moisés (sem partido), questionando a liberação para não usar máscaras de proteção contra a Covid-19 em ambientes abertos. A instituição argumentou que a não obrigatoriedade do item pode trazer riscos de piora do quadro da pandemia. Compartilhe esta notícia no WhatsApp Compartilhe esta notícia no Telegram O documento foi enviado na tarde desta quinta-feira (25) e é assinado pelo reitor, Ubaldo Cesar Balthazar. O g1 aguardava manifestação do governo do estado até 20h05 desta quinta. LEIA TAMBÉM: Uso de máscaras em SC não é mais obrigatório em ambientes abertos Flexibilização do uso de máscaras ocorre em meio à redução de contágio da Covid e avanço da vacinação em SC; entenda De acordo com a UFSC, o ofício foi sugerido por pesquisadores que atuam na definição de medidas de combate à pandemia na instituição. "Dispensar a máscara, mesmo em ambientes abertos e sujeitos, ainda assim, a aglomerações, é desproteger o indivíduo de uma medida barata e eficiente para redução da transmissão. Já é uma conclusão científica amplamente pacificada que o vírus é transmitido pelo ar e que o risco é menor em ambientes abertos, mas ainda existente", argumentou o reitor no ofício. Ele também citou a vacinação. "Sabe-se, igualmente, que a imunização atenua os efeitos, mas não impede per si a transmissão do vírus. Com alta circulação viral aumentamos também a probabilidade do aparecimento de novas variantes, que podem gerar escape vacinal". População de máscara no Centro de Florianópolis Ricardo Wolff/Secom/Divulgação No ofício, a universidade também argumentou que é importante manter as medidas para evitar o contágio do coronavírus. "A imunização da população, a testagem em massa, a higienização constante das mãos, o distanciamento entre as pessoas, o monitoramento da qualidade de ar, a preferência por atividades em locais abertos/arejados, associados ao uso constante da máscara facial de boa qualidade, tipo PFF2 e bem ajustada ao rosto, compõem exemplos de tais camadas e, juntos, representam as medidas necessárias à contenção", afirmou no documento. Decisão do governo O governador assinou, na quarta-feira (24), o decreto que libera a obrigatoriedade uso de máscaras em ambientes abertos em Santa Catarina. A dispensa do acessório de proteção já está em vigor, conforme portaria publicada no Diário Oficial do Estado. Em relação às máscaras de proteção à Covid-19, nos ambientes fechados ou naqueles em que não é possível manter distanciamento, o uso continua obrigatório. O decreto também estende a situação de calamidade pública até 31 de março de 2022. A 33ª Promotoria da Comarca da Capital informou que vai analisar o conteúdo do decreto. Em nota, o Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) informou que já existe um procedimento administrativo para acompanhar todas as ações do governo no enfrentamento à pandemia. O Ministério da Saúde disse em nota que faz um estudo para avaliar a flexibilização do uso de máscara com o avanço da vacinação no Brasil. "Cabe destacar que a pasta encomendou à Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) a revisão sistemática do estudo, ainda em elaboração", afirmou. VÍDEOS: Vacinação contra a Covid-19 em SC Veja mais notícias do estado no g1 SC

FONTE: https://g1.globo.com/sc/santa-catarina/noticia/2021/11/25/ufsc-questiona-decisao-que-desobriga-uso-de-mascaras-em-sc-ambientes-abertos.ghtml


#Compartilhe

Aplicativos


Locutor no Ar

Peça Sua Música

Top 5

top1
1. Você Beberia ou Não Beberia?

Zé Neto e Cristiano

top2
2. Arranhão

Henrique e Juliano

top3
3. Morena

Luan Santana

top4
4. Ficha Limpa

Gusttavo Lima

top5
5. Não parei de sofrer

Gustavo Mioto

Anunciantes